sábado, 13 de junho de 2009

Antes ser coveiro que ir para a cova

O Presidente da CM de Beja ficou estupefacto por ter havido 12 candidatos a um lugar de coveiro no cemitério da cidade, posto que tem por pouco aliciante, tanto em termos remuneratórios como profissionais.
Parece-me que não lhe fica bem desconsiderar, nos termos em que o fez, uma profissão que já vem do tempo em que a vida eterna foi chão que deu uvas. De qualquer modo, se está preocupado com o facto de ser pouco aliciante, bem pode puxar os cordões à bolsa e passar a pagar melhor. E, como termo de carreira, talvez atribuir ao coveiro, xis anos passados, a promoção automática a presidente da CM, passando este a desempenhar o lugar de coveiro.

2 comentários:

Milu - miluzinha.com disse...

O presidente da Câmara de Beja ao pé dos 12 candidatos a coveiro não passa de um imbecil. Eles, os candidatos, sabem que ali naquele espaço, entre aqueles quatro muros, os que nele "habitam" não lhe farão mal algum, o mesmo não poderá ser dito, quando se transpõe o portão de saída. Aí, nessa altura começa um inferno, a cada passo cada filho da puta!

Arriaga disse...

Tratar assim quem nos há de enterrar confirma a tese da Milu. Daí até perder a alma...