segunda-feira, 30 de março de 2009

O mesmo diria eu da mulher...

“A parte física da aparência do macho é-me secundária. O que me leva para os braços é aquele que tem algo que apaga a aparência”.
Lídia Jorge, em conversa com Ana Sousa Dias.
Pública de 29-03-09

8 comentários:

aires disse...

maravilhaaa...

Milu - miluzinha.com disse...

Como é que é? Também não é tanto assim... mas é quase.

ana disse...

O mesmo digo eu desde a adolescência mas, tal como à manela, ninguém me ouve...

2MOPinto disse...

Salvo melhor opinião, diria que esta frase representa a solução possível para quando a aparência física não é aquela que, nós ou os outros, achamos ser a ideal. E isso tanto é válido para as mulher como para os homens.
Mas vejo aqui um óbice…
E, se ou quando ocorrerem “os finalmentes”, quem não tiver a tal aparência que a todos faz sonhar, compensa tal facto recitando poesia? Ou cita “As Obras Completas” de um qualquer escritor famoso? Ou assobia uma ópera da trás para a frente?
Vida triste, a de quem não tem boa aparência física nem algo que a apague…

ana disse...

Não, 2mopinto, não é nada disso. Acha que esta mulher não é atraente? Eu acho que é. Por isso não é certamente o seu aspecto físico que a leva a desejar algo mais do que essa evidência. A atracção, o desejo, obedecem a uma química difícil de explicar mas que está, seguramente, muito para além daquilo que se vê.

2MOPinto disse...

Ana

Eu não me referia a esta Sra. em questão e, por outro lado, tentei fazer um comentário genérico e até algo irónico.
Eu sei que me fará o favor de pensar que eu próprio não me revejo nas palavras que escrevi.
Também sei que a química é muito importante e essa, em particular, faz autênticos milagres, mas ainda assim convém saber “manusear os elementos”.
Dou um pequeno, mas significativo, exemplo: Deitar água sobre ácido não é a mesma coisa que deitar ácido sobre a água. Vai dizer-me que não existe “química” entre a água e o ácido?
Eu não discordo de si, mas também não concordo totalmente.

Pascoalita disse...

Também comungo dessa opinião. É certo que a aparência do pacote nos causa a primeira impressão, mas mal vai a coisa se não encontramos nada no interiro do pacote eheheh

Cheguei aqui pesquisando um nome (antónio martins) e gostei do que encontrei.

Pascoalita disse...

Comungo da mesma opinião.

É óbvio que a primeira impressão nos é causada pelo embrulho (aparência física) mas é muito frustrante quando descobrimos que não há nada no seu interior.

Cheguei aqui quando pesquisava um nome (antónio martins) e como gostei do espaço, não quis sair sem deixar um hello.

Voltarei se assim me permitir

Tudo de bom