terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Distracção ou coisa sem importância?

Há quem suspeite da existência de um garganta funda no Palácio de Belém, face às notícias que têm sido publicadas e com origem em fontes anónimas mas dadas como próximas da Presidência da República. Foi o caso do eventual chumbo do orçamento, a antecipação da notícia sobre a promulgação do decreto respeitante à avaliação dos professores. E, mais recentemente, sobre o que pensará o PR do calendário eleitoral para 2009.
A isto Mário Crespo reagiu com "Uma coisa é certa: ou as notícias saem lá de dentro (da Presidência) ou são inventadas pelos jornais."
Credo! No que se foi meter. O Chefe da Casa Civil entendeu reagir por carta junto do Director de Informação da SIC, repudiando aquela afirmação. Mas, até aqui, vá que não vá. Só que da carta foi enviada cópia a Pinto Balsemão, presidente da empresa proprietária da SIC e, igualmente, conselheiro de Estado. E a Crespo, nada.
Estas intromissões são coisas caras a Pacheco Pereira. E fui procurar conhecer no Abrupto a sua reacção.
E que temos lá? Fotos, texto do Pe António Vieira, livros antigos sobre física, química, matemática. E mais early morning blogs. E mais fotos. E os selos postais e a guerra. E mais uma vez o jardim de Santo Amaro. E mais fotos de leitores. E uma bicada ao Expresso da Meia Noite da SIC-N porque, para o debate entre Israel e os palestinianos, se limitou a convidar militantes pró-palestinianos.

2 comentários:

aires disse...

Haverá sempre PPereiras, mas creio que a situação que subjaz, e que bem refere, é que é grave...

a intervenção intermediada de ACSilva, com desmentidos subsequentes

que alias, já vem do tempo de Fernando Nogueira, relativa á sua, na altura, presumida candidatura à PR, em 95 suponho...

E curiosamente não a verificamos - intervenção, directa ou intermediada claras, sobre DLoureiro, BPN, Madeira, etc.

Abraço

lino disse...

Ando nisto dos blogues desde há 6 anos e visitei o Abrupto 3 vezes, se é que sei contar até 3. Aquilo tresanda a intelectualoide de meia tigela que até dá volta ao estômago. Logo a mim que tenho gastrite.
Um abraço